03 abril 2007

Guerra à vista

2 comentários:

Anónimo disse...

essa "súbita" preocupação do presidente peruano não é propriamente uma epifania; surge numa altura em que os eua estão a reposicionar as suas forças na américa do sul, a preparar uma espécie de "cordão sanitário". até os países que são pró-americanos estão a ficar preocupados


miguel

PP disse...

Na América Latina, é a Lei do oito ou oitenta.

Ou a permisividade ante os cartéis de droga é total, com "luvas" à mistura, ou querem agora bombardear aquilo que sabem que lá está há imenso tempo.

Será o desespero perante uma "guerra" perdida, ou uma solução mais barata e extreminadora do que as investigações demoradas e que exigem muitos meios.??

O flagelo provacado pelo consumo abusivo de drogas (refiro-me ás tradiconais heroína e cocaína), não acaba com bombardeamentos de laboratórios.
Acaba um aqui, logo aparece um acolá, e com mais meios e produção. Enfim......